domingo, 13 de abril de 2014

27 anos.

domingo, 13 de abril de 2014

Hoje é meu aniversário (parabéns). Passei o dia inteiro refletindo e percebi que tenho que ser grato a Deus por muitas coisas. Principalmente por ter me mantido de pé durante todos esses anos apesar das coisas terríveis que eu passei. Deus me sustentou e me consolou em momentos muito difíceis.

Geralmente odeio meus aniversários. Já tive os piores aniversários do mundo. Já tive um aniversário que passei longe da minha namorada e no dia seguinte ela terminou comigo... já tive um aniversário que todo mundo faltou e eu passei o dia sozinho com uma amiga em um parque (no qual me fez ter sempre um carinho especial por ela)... e aniversários onde ninguém me deu bola. As coisas sempre desandaram de última hora.

Mas não culpo ninguém por tudo isso, sei que sempre fui meio afastado e preferia ficar desenhando do que jogando bola na rua com meus amigos. Mas cada um tem o seu jeito e este é o meu. Por que para mim as felicidade está em momentos simples. Vejo a beleza nas sutilezas. Nunca quis uma festa lotada de pessoas e com DJ.

Posso dizer que esse ano meu aniversário foi especial. Saí com um pequeno grupo de amigos para jantar em um restaurante japonês. Depois jogamos sinucas e terminamos a noite bebendo uns bons drikes na beira da praia. Por que sim, esses são os momentos simples e especiais. Momentos que eu me lembro com carinho.

Hoje quando achei que tudo já tinha acabado minha mãe chegou de viagem com um bolo nas mãos. Do jeito que eu sempre gostei e comentei. Amo bolos de padarias (não que os da minha mãe sejam ruins ) por sua simplicidade e despretensão. Um bolo que poderia ser de qualquer um, mas minha mãe tomou o cuidado de escolher um com um dos meus desenhos favoritos.

Porque nasci para ser assim, largado/livre. Vivendo coisas simples e achando minha felicidade em lugares onde são difíceis de encontrar. Posso dizer que tive um aniversário feliz e que no decorrer dos anos tenho me tornado uma pessoa mais feliz. Aprendendo a me aceitar e a aceitar as pessoas .Me tornando mais sociável.

Que meus dias sempre sejam doces.

Beijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gabriel's Journal © 2014