domingo, 1 de junho de 2014

Insurgente.

domingo, 1 de junho de 2014
-Insurgente.  Substantivo. Uma pessoa que age em oposição à autoridades estabelecidas, mas que não é necessariamente considerada agressiva. Fernando

Estava louco para ler Insurgente assim que sai do cinema. Confesso que o primeiro livro não me empolgou tanto quanto este. Talvez seja porque o primeiro livro (Divergente) é só um introdução, apesar do segundo também ter esse mesmo "tom" para a verdadeira historia. Divergente foi uma grande exceção de "O livro é sempre melhor que o filme". Fico muito feliz por esse ter sido o primeiro filme que eu vi estrelado pela Shailene Woodley (a participação em The O.C não conta).
Foi muito mais fácil construir os cenários na minha mente agora que já tinha visto o filme e "conhecido" os trejeitos da Tris.
A leitura desse segundo livro é muito mais fluida e sem enrolações. É claro que algumas coisas me tiraram a paciência, como as "Drs" com o Tobias e o luto eterno pelo o Will. Amiga, supera isso e segue seu caminho porque a "humanidade" depende de você.
Nesse livro me apaixonei ainda mais pela Christina, além de estar mais bem humorada é impossível não imaginar a Zoë Kravitz atuando. 
O livro foi bom para dar passagem para o terceiro, que eu vou economiza-lo o máximo que conseguir para essa distopia durar mais tempo. Ainda sinto saudades de ler Jogos Vorazes.
Não vejo a hora de ver o filme no ano que vem.

Sinopse do Skoob
Na Chicago futurista criada por Veronica Roth em Divergente, as facções estão desmoronando. E Beatrice Prior tem que arcar com as consequências de suas escolhas. Em Insurgente, a jovem Tris tenta salvar aqueles que ama - e a própria vida – enquanto lida com questões como mágoa e perdão, identidade e lealdade, política e amor. 

obs: Comecei a ler Coraline. Não sabia que o livro existia, só conhecia a animação que é uma das minhas favoritas. Posso dizer que é muito divertido mas da um pouco de medo de ler antes de dormir. Sim, sou um frangote.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gabriel's Journal © 2014