sexta-feira, 19 de junho de 2015

24/52 • O bom de ser homem é.

sexta-feira, 19 de junho de 2015
Olá meu povo e minha pova! Os desenhos dessa semana foram um pouco polêmicos, não podemos negar (Foca em mim e corta para a câmera 2). Mas antes de mais nada gostaria de me explicar. 
A ideia de fazer a semana "O bom de ser homem é" surgiu em uma troca de tweets que tive com a Bah <3 na semana passada. Minha irmã estava falando o quanto é ruim ter cólicas e eu tweetei falando como era bom não menstruar.

Então comecei a pensar em como as mulheres ultrapassavam algumas "barreiras" e faziam todas as coisas que eu como homem fazia. Como conseguem trabalhar e relacionar com outras pessoas ignorando o mar turbulento de hormônios? Precisamos concordar que é mais difícil ser mulher.

O projeto 52 semanas é focado em mim. Uma maneira de mostrar para as pessoas como eu sou e quais são os meus gostos. Já tivemos uma semana falando sobre meus casais favoritos das series, sobre meus sabores favoritos de sorvete e sobre os cds que eu estava escutando. São ilustrações simples sobre as futilidades que me tornam uma pessoa feliz. Minha intenção nunca foi desmerecer um grupo de pessoas e tentar tirar vantagens disso falando que eu era melhor que elas. O projeto é sobre mim. Não sou contra as mulheres, gays, negros... Uma prova disso são vocês que fazem parte do meu grupo de amigos.  Eu só quero espalhar minhas cores e ser feliz. (emoji de paz e amor). Não sou homofóbico ou machista.

O que me deixou muito triste foi a participação das pessoas que não entenderam as ilustrações e o contexto do projeto, que deve ser visto em um todo e não em uma só semana. Por muitas vezes pensei em desistir desse projeto por falta de interação dos meus amigos nas redes sociais. O último mês seria Abril mas não parei porque tenho TOC de terminar tudo o que começo. As pessoas foram além e falaram frases "Você não sabe o que é andar na rua e ter medo de ser estuprada". Fui acusado de que estava sendo heteronormativo, uma palavra que eu nem sabia que existia. Recebi mensagens privadas e comentários criticando as ilustrações. As pessoas estão tão acostumadas a serem atacadas que assumem esse comportamento de defesa.

O título dela não é "É melhor ser homem do que mulher" ou "É melhor ser heterossexual do que gay". É uma semana falando sobre os motivos pelo qual eu gosto de ser homem. Talvez eu deva ter pecado em não ter colocado um título mais explicativo. Deveria ser "EU acho bom EU ser homem porque". Mas esse título não me soou muito bom para se casar com os complementos. Imaginei que as pessoas entenderiam o título dado dentro do contexto do projeto.

Agradeço muito minhas amigas que entenderam e participaram com comentários nos desenhos. No desenho de "não engravidar" eu ainda sugeri que minha amiga Manuela, que está grávida, deixasse a próxima gestação por conta do corpo do marido dela. Porque sei o quanto é trabalhoso ser grávida. Fabricia e Giselle deram gargalhadas e concordaram que é mais prático fazer xixi em pé. Por aí vai...

No geral não guardo rancor de ninguém e continuo gostando de todo mundo que comentou nas ilustrações. Espero que agora vocês tenham entendido o propósito das ilustrações. Vou explicar ilustração por ilustração agora esclarecendo o esclarecido para que todos cheguem em um esclarecimento esclarecedor. Risos.

 
1 • Você não precisa se depilar - Nem as mulheres PRECISAM. A maioria se acha mais bonita depilada (eu também acho, mas isso é só um gosto pessoal). Tem gente que se acha mais bonita peluda, nada contra. Morro de preguiça de fazer a barba. Já que os meus pelos crescem descontroladamente, deixo eles aqui. Jamais teria paciência ou suportaria a dor de uma depilação. Me deixa ser essa bola de pelos que sou.

2 • Ser grisalho aumenta o charme - Recentemente meu numero de cabelos brancos aumentou e estou gostando muito. Meu pai e meus tios são grisalhos. Acho um charme a maneira como a idade chega para os homens da minha família. Não vejo a hora de ficar mais velho para ter meus cabelos brancos. Se pudesse pintaria eles agora mesmo, mas não pinto por achar que não ficaria natural. Mas se você se sente mais bonita ou bonito tendo o cabelo loiro, preto, azul ou rosa, seja livre e feliz.

3 • Nunca parir - Morro de medo de ir no dentista, imagina o meu medo de parir. Assustador! Ver o meu corpo mudando e exigindo mais de mim... Deve ser muito difícil carregar uma outra pessoa dentro de você. Jamais teria coragem o suficiente para engravidar, se isso fosse possível.

4 • Poder mijar em pé - Sou germofóbico e poder urinar em pé é uma dádiva de Deus para a minha pessoa. Vocês não imaginam o quanto já acho difícil entrar em banheiros públicos sem encostar nas maçanetas. O álcool em gel é meu melhor amigo. Imagina ter que fazer isso tudo e ainda ter que sentar para urinar. Deve ser a coisa mais desconfortável do mundo ter que fazer agachamento de coxas para fazer xixi no shopping. Adoro mijar em pé e ninguém pode tirar esse prazer cachoeiristico de mim.

5 • Não menstruar - Sou o tipo de pessoa que sente fraqueza e desmaia só em fazer exame de sangue. Imagina ter que ver o sangue que saiu de mim todos os meses? Sem contar a briga de hormônios alterando o meu humor. Obrigado, Senhor, por eu não menstruar.


Semana que vem vou falar sobre meus personagens favoritos de The Walking Dead. Espero vocês no instagram, tumblr e facebook.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gabriel's Journal © 2014